Três actividades extraveículares em Novembro

Este mês de Novembro realizaram-se três actividades extraveículares, sendo duas a partir da estação espacial internacional e uma tendo como origem a estação espacial Tiangong.

A 15 de Novembro de 2022 os astronautas Josh Aaron Cassada e Francisco Carlos Rubio realizaram a actividade extraveícular ISS US EVA 81, envergando os fatos extraveículares EMU-3013 e EMU-3004, respectivamente. O objectivo deste passeio espacial foi o de instalar o denominado 1B ROSA Mod Kit no painel solar 1B na estrutura S6.

O módulo Quest foi despressurizado às 1406UTC e a sua escotilha aberta às 1410UTC, com os fatos extraveículares a começarem a utilizar as suas baterias internas para o fornecimento de energia às 1414UTC. O astronauta Josh A. Cassada saiu do Quest às 1429UTC, seguido por Francisco C. Rubio às 1438UTC, que transportava o saco contento o reforço para o painel 1B.

Após abandonarem o Quest, os dois homens deslocaram-se ao longo da estrutura e procederam à instalação do triângulo superior do ‘mod kit‘ pelas 1800UTC. O painel solar 1B ROSA será aqui instalado numa actividade extraveícular a realizar mais tarde.

Os dois homens reentraram no Quest às 2050UTC e às 2107UTC, respectivamente, com a escotilha a ser encerrada às 2120UTC. A repressurização ocorreu às 2125UTC, com a actividade extraveícular a ter uma duração de 7 horas e 11 minutos.

O segundo passeio espacial de Novembro ocorreu a 17 de Novembro, sendo realizado a partir da estação espacial chinesa Tiangong. Os taikonautas Chen Dong e Cai Xuzhe saíram para o espaço a partir do módulo Wentian às 0316UTC e procederam à instalação de dois sistemas de ligação inter-módulos. Os dois homens procederam ainda à instalação de corrimões no pequeno braço robótico da estação espacial. O regresso ao módulo Wentian teve lugar pelas 0850UTC e a actividade extraveícular teve uma duração de 5 horas e 34 minutos.

Ainda a 17 de Novembro tinha lugar uma nova actividade extraveícular na ISS. Os cosmonautas Sergei Valeryevich Prokopyev e Dmitri Alexandrovich Petelin realizaram caminhada espacial VKD-55 a partir do módulo Poisk usando os fatos extraveículares Orlan MKS-5 e Orlan MKS-4.

O módulo Poisk foi despressurizado às 1411UTC e a sua escotilha foi aberta às 1441UTC. No exterior, os dois homens procederam à drenagem de azoto do radiador do módulo Rassvet e instalaram um acessório que armazenamento de carga útil SSKO no módulo Nauka. Regressando ao Poisk, encerraram a sua escotilha às 2107UTC e procederam à sua pressurização às 2217UTC. A actividade extraveícular VKD-55 teve uma duração de 6 horas e 25 minutos.

Artigo baseado em textos de Jonathan McDowell

Imagens: NASA e internet chinesa



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post