Terá a China testado um sistema SBOF?

Fontes norte-americanas não identificadas referiram num artigo recentemente publicado pelo Financial Times, que a China terá levado a cabo o teste de um Sistema de Bombardeamento Orbital Fraccionado (SBOF) em Agosto de 2021.

Não havendo uma referência exacta à data do possível teste, este poderá ter ocorrido entre 19 de Julho e 24 de Agosto de 2021, possivelmente no dia 27 de Julho, sendo lançado desde o Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan por um foguetão Chang Zheng-2C. O Financial Times refere que o teste não terá sido totalmente bem sucedido, pois terá falhado o seu alvo por vários quilómetros. Porém, tal teste mostra que a China está activamente a desenvolver este sistema e que terá surpreendido por completo os serviços de inteligência norte-americanos.

O teste terá envolvido o lançamento de um veículo com elevada sustentação aerodinâmica que terá executado uma trajectória quase orbital, simulando posteriormente um ataque ao seu alvo. Estes veículos utilizam a sustentação (ou elevação) na alta atmosfera superior, alargando assim o seu alcance ao «deslizar» na atmosfera ou executando «pequenos saltos» na mesma.

Nos anos 60 a União Soviética desenvolveu um sistema SBOF num dos primeiros esforços de militarização espacial. Neste caso, o sistema implicava a colocação em órbita de ogivas nucleares antes de serem enviadas para os seus alvos. Estes sistemas não têm limite de alcance e a sua trajectória não revelava a localização do alvo a ser atacado.



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post