RocketLab adia a sua primeira missão de 2021

A empresa Norte-americana RocketLab adiou o seu primeiro lançamento orbital de 2021. A causa do adiamento ficou-se a dever a dados erróneos provenientes de um sensor que apesar de não se vital para o lançamento, a empresa decidiu proceder à verificação do problema.

Esta missão tem como objectivo colocar em órbita um protótipo de satélite de comunicações de banda larga. Baseado na plataforma GMS-T o satélite será operado pelas empresas GMS Space (China) e pela OHB Cosmos (Alemanha).

O lançamento estava previsto para as 0738UTC do dia 16 de Janeiro e será levado a cabo pelo foguetão Electron/Curie (F18) na missão “Another One Leaves The Crust” a partir da Plataforma A do Complexo de Lançamento LC-1 do Centro de Lançamentos de Onenui (Máhia), Nova Zelândia.

O lançamento está agora agendado para as 0730UTC do dia 18 de Janeiro.



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post