Progress MS-16 – Preparativos para o lançamento (V)

No Cosmódromo de Baikonur iniciaram-se os dois dias de preparativos finais para o lançamento do veículo de carga Progress MS-16 que será lançado na missão logística ISS-77P.

Às primeiras horas do dia 12 de Fevereiro de 2021, o foguetão lançador contendo o Progress MS-16 foi removido do interior do edifício de integração e montagem MIK-40 e transportado para a Plataforma de Lançamento PU-6. O transporte é feito através de caminho-de-ferro com o lançador na posição horizontal, sendo colocado na vertical sobre o fosso das chamas assim que chega ao complexo de lançamento.

Colocado na posição vertical, procede-se de seguida à colocação em posição das plataformas de serviço da estrutura do complexo de lançamento que permitem assim o acesso dos especialistas às diferentes partes do veículo. De seguida procede-se à ligação das conexões eléctricas e das condutas de abastecimento, dando-se então início ao primeiro dia de preparativos para o lançamento.

Entretanto, e segundo a agência de notícias RIA Novosti, o Progress MS-16 recebeu a designação de “Gerasim”. Gerasim é uma personagem e herói do conto “Mumu” de Igor Turgenev. Nesse conto, Gerasim afoga o cão Mumu e a atribuição do nome “Gerasim” ao Progress MS-16 significa a forma como este irá «afogar» o módulo Pirs no final da sua missão.

O lançamento do veículo de carga Progress MS-16 está previsto para as 0445UTC do dia 15 de Fevereiro e será levado a cabo pelo foguetão 14A14-1A Soyuz-2.1a (V15000-041) a partir da Plataforma de Lançamento PU-6 do Complexo de Lançamento LC31 (17P32-6) do Cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão. A acoplagem com o módulo Pirs terá lugar no mesmo dia.

O Progress MS-16 irá transportar 600 kg de propelente, 420 litros de água potável no sistema Rodnik e 40,5 kg de gases comprimidos com mantimentos adicionais e azoto, bem como 1.400 kg de equipamentos vários incluindo equipamentos para os sistemas de controlo e suporte de vida, kits para experiências, itens sanitários e equipamentos de monitorização médica e sanitária, roupas, alimentos e produtos frescos para a tripulação a bordo da ISS. Adicionalmente, o compartimento de carga acomoda materiais e equipamentos de reparação (um conjunto de placas adesivas) que serão utilizados para a selagem temporária dos defeitos detectados na fuselagem da câmara de transferência do módulo de serviço Zvezda.

Imagens: RKK Energia



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post