Prichal acopla com a ISS

O módulo Prichal transportado pelo veículo Progress M-UM, acoplou com o módulo Nauka da estação espacial internacional às 1519:39UTC do dia 26 de Novembro de 2021. A acoplagem dá-se dois dias depois do seu lançamento desde o Cosmódromo de Baikonur.

O módulo Prichal tem como objectivo aumentar as capacidades técnicas e operacionais do segmento russo da estação espacial internacional.

A acoplagem deu-se cerca de 24 horas após a partida do veículo de carga Progress MS-17 que se separou do módulo Nauka às 1123UTC do dia 25 de Novembro de 2021. Às 1434:51UTC, os motores do veículo foram accionados durante cerca de 4 minutos criando um impulso de travagem de 118 m/s. Com esta manobra, o Progress MS-17 iniciou a sua descida para a atmosfera terrestre, com os seus restos a impactar no Oceano Pacífico às 1517:12UTC.

Ao se separar do Nauka, o Progress MS-17 removeu uma unidade de acoplagem que era utilizada pelos veículos tripulados Soyuz MS e Progress MS. Este espaço de acoplagem será agora utilizado para a chegada no módulo Prichal.

O lançamento do Progress MS-17, na missão ISS-78P, teve lugar às 2327:20,324UTC do dia 29 de Junho de 2021 e foi levado a cabo pelo foguetão 14A14-1A Soyuz-2.1a (V15000-043) a partir da Plataforma de Lançamento PU-6 do Complexo de Lançamento LC31 (17P32-6) do Cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão. A sua acoplagem com o módulo Poisk teve lugar às 0059UTC do dia 2 de Julho.

O Progress MS-17 transportou 470 kg de propelente, 420 litros de água potável no sistema Rodnik e 40 kg de gases comprimidos com mantimentos adicionais e azoto, bem como 1.509 kg de equipamentos vários incluindo equipamentos para os sistemas de controlo e suporte de vida, kits para experiências, itens sanitários e equipamentos de monitorização médica e sanitária, roupas, alimentos e produtos frescos para a tripulação a bordo da ISS.



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post