NASA lança missão DXL

A agência espacial norte-americana NASA realizou o lançamento suborbital de um foguetão-sonda Black Brant IX às 0500UTC do dia 9 de Janeiro de 2022.

O Black Brant IX transportou a experiência DXL (Diffuse X-rays from the Local galaxy) e foi lançado desde a Rampa de Lançamento P2/N das instalações do Wallops Flight Facility em Wallops Isl., Virgínia.

A missão DXL teve como objectivo estudar os raios-X ‘suaves’ que podem causar perturbações na alta atmosfera terrestre ao interferir com as comunicações rádio e sinais GPS.

Crê-se que  raios-X de baixa energia são provenientes de duas fontes distintas: uma localizada no interior do Sistema Solar, sendo gerados pela troca de energia do vento solar; e a outra no exterior do Sistema Solar, estando relacionada com os restos de múltiplas explosões de supernovas na nossa galáxia.

O lançador atingiu uma altitude máxima de 267 km, tendo impactado no Oceano Atlântico após o seu voo.

Imagens: NASA



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post