Chang’e-5 na superfície lunar

A sonda lunar Chinesa, Chang’e-5, levou a cabo com sucesso uma alunagem suave a 1 de Dezembro de 2020, preparando-se agora para proceder à recolha de amostras da superfície do nosso satélite natural.

A secção de descida (composta pelo veículo de alunagem e o veículo de ascensão) separou-se do módulo orbital às 2040:14UTC do dia 29 de Novembro, tendo realizado duas manobras de descida às 1423UTC e às 1822UTC do dia 30 de Novembro.

O início da descida propulsionada para a superfície lunar teve lugar pelas 1457:17,944UTC do dia 1 de Dezembro e a alunagem suave teve lugar às 1511:20,924UTC.

As operações de perfuração da superfície lunar deverão ocorrer entre as 1715UTC e as 1945UTC do dia 1, e as operações de recolha de material da superfície lunar devem ocorrer entre as 2114UTC do dia 1 de Dezembro e as 1935UTC do dia 2 de Dezembro.

O estágio de ascensão deverá partir da superfície lunar às 1510UTC do dia 3 de Dezembro, abrindo os seus painéis solares pelas 1527UTC. O veículo deverá realizar uma série de manobras para se aproximar do módulo orbital, estando estas programadas para as 2205UTC do dia 3 de Dezembro, para as 0804UTC e 1946UTC do dia 4 de Dezembro, e para as 1154UTC do dia 5 de Dezembro. As manobras de aproximação entre o veículo de ascensão e o módulo orbital iniciam-se às 1814UTC do dia 5, com a acoplagem a ter lugar pelas 2140UTC.

Após a acoplagem entre os dois veículos procede-se à transferência do material lunar. Este procedimento deverá estar finalizado pelas 2201UTC do dia 5 de Dezembro. Pelas 0435UTC do dia 6 de Dezembro dá-se a separação entre o estágio de ascensão e o módulo orbital com a cápsula de regresso, preparando-se então o regresso à Terra.



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post