Arianespace vai realizar voo inaugural do foguetão Vega-C

A empresa europeia Arianespace vai realizar a missão inaugural do seu lançador Vega-C a 13 de Julho de 2022.

O lançamento está previsto para as 1113UTC e será realizado a partir do Complexo de Lançamento ZLV do CSG Kourou, Guiana Francesa. Esta será a missão VV21 e a bordo transporta sete satélites.

O foguetão Vega-C tem um melhor desempenho do que o seu antecessor, maior capacidade de carga e uma competitividade melhorada. O novo lançador promete uma nova era para o voo espacial europeu ao ser o suporte de novas missões, incluindo o Space Rider.

A bordo da missão VV21 estarão os satélites LARES-2, AstroBio CubeSat (ABCS), GreenCube, TRISAT-R, CELESTA (ROBUSTA-1D), MTCube 2 (ROBUSTA-1F) e ALPHA.

O LARES-2 (Laser Relativity Satellite 2) é um satélite passivo coberto com espelhos laser que será utilizado para o estudo do campo gravitacional da Terra e para medições da teoria geral da relatividade (efeito Lense-Thirring), e para propósitos geodésicos para melhorar as medições dos satélites LAGEOS-1, LAGEOS-2 e LARES.

O pequeno Astrobio Cubesat (ABCS) é um CubeSat-3U italiano que será utilizado para demonstração tecnológica, bem como o pequeno CUbeSat-3U GreenCube.

O TRISAT-R é uma missão científica e educacional que utiliza um CubeSat-3U. Dirigida pela Universidade de Maribor, tem por objectivo investigar e mapear a radiação ionizada em órbitas a altitudes médias utilizando diferentes instrumentos para propósitos científicos e para demonstrar e testar algoritmos AI utilizando componentes COTS de alto desempenho e técnicas de mitigação de erros num ambiente de elevada radiação.

O satélite CELESTA (CERN Latchup Experiment STudent sAtellite) – também designado ROBUSTA-1D (Radiation on Bipolar Test for University Satellite Application) – é um projecto estudantil da Universidade de Montpellier II que tem por missão testar o monitor de radiação do CERN (RadMon).

O MTCube (Memory Test CubeSat) ou ROBUSTA-1C (Radiation on Bipolar Test for University Satellite Application) é um projecto CubeSat da Universidade de Montpellier II que irá realizar experiências sobre os efeitos da radiação em componentes de memória no espaço para a Agência Espacial Europeia(ESA).

O satélite ALPHA é um CubeSat-1U italiano para demonstração tecnológica desenvolvido pela ARCA Dynamics com o objectivo principal de demonstrar tecnologias de protecção contra a radiação. Em órbita irá testar um ADCS integrado incluindo uma roda de reacção desenvolvida pela ARCA, uma vela solar para remoção orbital desenvolvida pela NPC Spacemind, e outros subsistemas, tais como um EPS desenvolvido pela H4-Research, um OBC um módulo de telecomunicações desenvolvidos pela GP Advanced Projects.

O lançamento da missão VV21 pode ser seguido ao vivo aqui.

Imagens: Arianespace



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post