A antiga margem do lago da cratera Jezero em Marte

Mapa da elevação da cratera Jezero em Marte, o local de pouso do rover 2020 Mars Perseverance da NASA. Cores mais claras representam uma elevação mais alta.

Dois estudos recentes, baseados nas observações da ESA da cratera Jezero da Mars Express, lançaram luz sobre como e quando esta intrigante área se formou – e identificaram as regiões com maior probabilidade de revelar sinais de vida antiga.

Artigo completo: Mars Express ajuda a desvendar os segredos do local de pouso do Perseverance

A borda da cratera destaca-se claramente neste mapa de cores, facilitando a localização da costa de um lago que secou há mil milhões de anos atrás. O símbolo oval indica a elipse de pouso, onde o veículo espacial pousará em Marte. Os cientistas estão interessados em estudar essa linha costeira, porque poderá ter preservado vida microbiana fossilizada, se alguma vez esta se formou no Planeta Vermelho.

Esta imagem foi criada usando dados de uma combinação de instrumentos e naves espaciais: Mars Global Surveyor da NASA e o seu Mars Orbiter Laser Altimeter (MOLA); Mars Reconnaissance Orbiter da NASA e o seu Compact Reconnaissance Imaging Spectrometer for Mars (CRISM) e a Context Camera (CTX); e a High Resolution Stereo Camera (HRSC) no Mars Express da ESA. Foi publicada originalmente em Novembro de 2019.

Notícia e imagem: ESA

Texto corrigido para Língua Portuguesa pré-AO90



O Boletim Em Órbita não tem fins lucrativos e é mantido pelos anúncios exibidos aos nossos visitantes. Por favor, considere nos apoiar desativando seu bloqueador de anúncios em www.orbita.zenite.nu

Comente este post