Voo inaugural do Soyuz-2.1v marca último lançamento orbital de 2013



Foguetão Soyuz-2.1v

A Rússia levou a cabo com sucesso o lançamento inaugural do foguetão Soyuz-2.1v. O último lançamento orbital de 2013 teve lugar às 1230UTC do dia 28 de Dezembro. O foguetão Soyuz-2.1v/Volga (78031001/001) foi lançado desde o Complexo de Lançamento LC43/4 do Cosmódromo GIK-1 Plesetsk, Arkhangelsk, e surge após uma série de adiamentos por razões técnicas.

O Soyuz-2.1v é a mais recente derivação do míssil balístico intercontinental R-7 desenvolvido nos anos 50 do Século XX por Sergei Korolev. De forma geral o novo foguetão pode ser descrito como um foguetão Soyuz mas sem incluir os característicos quatro propulsores laterais. Por outro lado, o primeiro estágio foi também modificado.

Originalmente, o foguetão deveria ser equipado com o motor NK-33-1, no entanto o estágio teve de ser modificado para um diâmetro superior quando o desenvolvimento do motor foi cancelado e teve de ser substituído pelo motor RD-33 com um motor vernier RD-0110 adicional.

O foguetão é capaz de colocar uma carga de 2.800 kg numa órbita terrestre baixa ou 1.400 kg numa órbita terrestre sincronizada com o Sol.

O quarto estágio do lançador é constituído por um estágio superior Volga.

Na sua primeira missão o Soyuz-2.1v/Volga transportou duas esferas de calibração SKRL-756 e o micro-satélite AIST-1 que foi desenvolvido por estudantes russos da Universidade Aeroespacial de Samara em cooperação com o TsSKB-Progress. O satélite irá medir o campo geomagnético da Terra, testar o novo modelo de satélite, testes métodos para reduzir as micro acelerações ao mínimo e medir os impactos de micrometeoróides de origem natural e artificial.

Estatísticas:

– Lançamento orbital: 5335

– Lançamento orbital com sucesso: 4988

– Lançamento orbital Rússia: 3123

– Lançamento orbital Rússia com sucesso: 2971

– Lançamento orbital desde Plesetsk: 1592

– Lançamento orbital desde Plesetsk com sucesso: 1529

A seguinte tabela mostra os totais de lançamentos executados este ano em relação aos previstos para cada polígono (entre parêntesis estão os lançamentos fracassados se for o caso):

Baikonur – 23 (1)

Plesetsk – 7

Dombarovskiy – 2

Cabo Canaveral AFS – 10

Wallops Island MARS – 4

Vandenberg AFB – 5

Jiuquan – 7

Xichang – 3

Taiyuan – 5 (1)

Tanegashima – 2

Kagoshima – 1

Kourou – 7

Satish Dawan, SHAR – 3

Naro – 1

Odyssey – 1 (1)

Semnan – 1 (1)

Dos lançamentos bem sucedidos levados a cabo 39,7% foram realizados pela Rússia; 24,4% pelos Estados Unidos (incluindo ULA, SpaceX e Orbital SC); 17,9% pela China; 9,0% pela Arianespace; 3,8% pelo Japão; 3,8 % pela Índia e 1,3% pela Coreia do Sul.

Os próximos cinco lançamentos orbitais previstos são:

03 Janeiro (2257:00) – Falcon-9 v1.1 – Cabo Canaveral AFS, SLC-40 – Thaicom-6

05 Janeiro (1048:00) – GSLV-D5 (MkII) – Satish Dawan SHAR, SLP – GSAT-14

07 Janeiro (1855:00) – Antares-120 – Wallops Island MARS, LP-0A – Cygnus Orb-1 (CRS1); Flock-1 (x28); LitSat-1; LituanicaSAT-1; ArduSat-2; SkyCube-1; UAPSat-1

23 Janeiro (????:??) – Ariane-5ECA (VA216) – CSG Kourou, ELA3 – Astra-5B; Amazonas-4A

24 Janeiro (0205:00) – Atlas-V/401 – Cabo Canaveral, SLC-41 – TDRS-L

2 comentários para Voo inaugural do Soyuz-2.1v marca último lançamento orbital de 2013

  • Rui C. Barbosa  disse:

    Thank you for the correction Nicolas!

  • Nicolas Pillet  disse:

    Rui, this was launcher 14A15 n°2L. Launcher n°1L has been sent back to Samara for modifications.

Deixe um comentário