Tripulação da Soyuz TMA-06M




A tripulação da Soyuz TMA-06M é composta pelos cosmonautas Oleg Viktorovich Novitsky (Comandante e Engenheiro de Voo da Expedição 33/34) e Evgeny Igorevich Tarelkin (Engenheiro de Voo n.º 1 e Engenheiro de Voo da Expedição 33/34), e pelo astronauta Kevin Anthony Ford (Engenheiro de Voo n.º 2, Engenheiro de Voo da Expedição 33 e Comandante da Expedição 34).

 
Oleg Viktorovich Novitsky

Nascido a 12 de Outubro de 1971 na cidade de Cherven, região de Minsk na República Socialista Soviética da Bielorrússia, terminava os seus estudos em 1994 na Escola Superior de Pilotos Militares de Kachinsk, sendo qualificado como Piloto Engenheiro. Entre Outubro de 1994 e Setembro de 1995 levou a cabo sessões de treino no Centro de Voo de Borisoglebsk. Em 2006 formou-se no Departamento de Comando da Academia da Força Aérea ‘Yuri Gagarin’.

Entre Outubro de 1994 e Setembro de 2004 serviu como piloto, piloto mestre, comandante adjunto do esquadrão aéreo de assalto do 4º Exército do Ar e do 4º regimento de assalto do distrito militar do Norte do Cáucaso. Após se formar na Academia em 2006 serviu como comandante do mesmo regimento aéreo. Em Outubro de 2006 numa reunião do Comité Interdepartamental para a selecção de cosmonautas, Novitsky foi recomendado para ser indicado para um lugar como candidato a cosmonauta do destacamento do Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’. A 26 de Fevereiro de 2007 iniciava um curso de dois anos de treino geral de cosmonauta.

Entre 22 e 28 de Junho de 2008 em Sevastopol, Ucrânia, participou em sessões de treino com as tripulações perliminares juntamente com Sergei Revin e Elena Serova, simulando amaragens.

A 2 de Junho de 2009 finalizava o treino geral de cosmonauta tendo sido aprovado nos exames estatais no Centro de Treino de Cosmonautas com uma classificação excelente. A 9 de Junho e numa reunião do Comité de Classificação Interdepartamental foi qualificado como cosmonauta teste, tendo-lhe sido atribuído o certificado de cosmonauta n.º 201.

Por ordem do Director do Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’ datada de 1 de Agosto de 2009, foi-lhe atribuído um posto no centro de treino.

Em Outubro de 2009 participou no Cosmódromo de Baikonur em sessões de treino no interior do modulo laboratorial Poisk.

Desde Janeiro de 2010 esteve em missão nos Estados Unidos como representante do Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’ no Centro Espacial Lyndon B. Johnson.

Numa reunião do Comité Interdepartamental para a selecção de cosmonautas e sua nomeação para as missões espaciais tripuladas realizada a 26 de Abril de 2010, Oleg Novitsky foi certificado como cosmonauta teste do destacamento de cosmonautas do Centro de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’. No plano de voo para as tripulações da ISS até 2013, que foi emitido pela NASA a 2 de Junho de 2010, constava a informação de que Oleg Novistky havia sido indicado para a tripulação suplente da Expedição 31/32 no lugar de Roman Romanenko. A 8 de Julho de 2010 a sua nomeação foi oficialmente confirmada pela NASA. A 12 de Outubro de 2010 a sua nomeação para a tripulação suplente da Expedição 31/32 foi confirmada perlo Comité Interdepartamental para a selecção de cosmonautas e sua nomeação para as tripulações espaciais.

Entre 15 e 17 de Julho de 2010 participou em sessões de treino no deserto e semi-deserto do Cazaquistão juntamente com Elena  Serova e Sergei Ryzhikov. Entre 2 e 5 de Agosto participou em treinos com instrumentação de observação visual a partir de um avião em Severomorsk, região de Murmansk, durante as quais procedeu a tarefas de monitorização ecológica. Em Janeiro de 2011 participou em sessões de treino com Sergei Kud’-Sverchkov e Kevin Ford, simulando situações de sobrevivência numa floresta perto de Moscovo.

A 2 de Março de 2012, Oleg Novitsky juntamente com Evgeny Tarelkin, participou num teste de oito horas realizado no Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’ a bordo do simulador da secção russa da estação espacial internacional.

A 23 de Abril, e juntamente com Evgeny Tarelkin e Kevin Ford, foram aprovados num exame a bordo do simulador da Soyuz TMA e a 24 de Abril foram aprovados num exame a bordo do simulador da secção russa da ISS.

A 25 de Abril, numa reunião da Comissão Interdepartamental realizada no Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’, Novitsky foi aprovado como Comandante da tripulação suplente da Soyuz TMA-04M. Esta nomeação foi confirmada a 14 de Maio de 2012 no Cosmódromo de Baikonur.

Posteriormente seria nomeado Comandante da Soyuz TMA-06M.

Esta é a primeira missão espacial de Oleg Novistky que assim se torna no 526º ser humano e no 114º cosmonauta russo a realizar um voo espacial orbital (juntamente com Evgeny Tarelkin).


Evgeny Igorevich Tarelkin 

Evgeny Igorevich Tarelkin nasceu a 29 de Dezembro de 1974 em Pervomaisk, região de Chita na Federação Russa. Em 1996 terminava os seus estudos na Escola Militar Superior de Pilotos de Eisk e em 1998 formava-se na Academia da Força Aérea ‘Yuri Gagarin’.

Desde 1998 serviu no Centro de Treino de Cosmonautas como engenheiro de voo de teste sénior, tendo tripulado os aviões L-39 e L-29, e realizado mais de 500 saltos de pára-quedas.

A 1 de Março de 2002 Evgeny Tarelkin foi autorizado pelo Departamento Médico a frequentar um treino especial (com a sua aprovação a depender de uma resolução desse departamento). A 29 de Março foi incluído no destacamento de cosmonautas para frequentar o treino geral.

Desde 16 de Junho de 2003 iniciou o treino geral de cosmonauta, tendo-o finalizado a 27 de Junho de 2005. Numa reunião da Comissão Interdepartamental a 5 de Julho foi qualificado como cosmonauta teste.

Em Maio de 2006 foi enviado numa missão para o Centro Espacial Johnson da NASA como representante do Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’ e por ordens do Ministério da Defesa e do Director do Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’, datada de 1 de Agosto de 2009, Tarelkin foi transferido para o destacamento do Centro de Treino de Cosmonautas.

Entre 20 de Janeiro e 2 de Fevereiro de 2010 participou em treinos de sobrevivência de Inverno numa floresta perto de Moscovo juntamente com os cosmonautas Oleg Skripochka e Alexander Kaleri. A 26 de Abril era designado como cosmonauta do destacamento de cosmonautas do Centro de Treino ‘Yuri Gagarin’. Entre 2 e 5 de Agosto participou em treinos com instrumentação de observação visual a partir de um avião em Severomorsk, região de Murmansk, durante as quais procedeu a tarefas de monitorização ecológica.

A 12 de Outubro de 2010 a sua nomeação para a tripulação suplente da Expedição 31/32 foi confirmada pelo Comité Interdepartamental para a selecção de cosmonautas e sua nomeação para as tripulações espaciais.

A 2 de Março de 2012, Evgeny Tarelkin juntamente com Oleg Novitsky, participou num teste de oito horas realizado no Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’ a bordo do simulador da secção russa da estação espacial internacional. A 23 e 24 de Abril de 2012 juntamente com Oleg Novitsky e Kevin Ford, foi aprovado nos exames levados a cabo nos simuladores da Soyuz TMA e da secção russa da ISS. A 25 de Abril, numa reunião da Comissão Interdepartamental realizada no Centro de Treino de Cosmonautas ‘Yuri Gagarin’, Tarelkin foi aprovado como Engenheiro de Voo suplente da Soyuz TMA-04M. Esta nomeação foi confirmada a 14 de Maio de 2012 no Cosmódromo de Baikonur.

Posteriormente seria nomeado Engenheiro de Voo da Soyuz TMA-06M.

Esta é a primeira missão espacial de Evgeny Tarelkin que assim se torna no 526º ser humano e no 114º cosmonauta russo a realizar um voo espacial orbital (juntamente com Oleg Novistky).

Kevin Anthony Ford

Nascido a 7 de Julho de 1960 em Portland, Indiana, Kevin Ford considera Montpelier, Indiana, como a sua cidade natal.

Kevin Ford terminou o ensino secundário na Escola Secundária de Blackford, Hartford City, Indiana, em 1978. Em 1982 recebe o seu bacharelato de Ciência em Engenharia Aeroespacial pela Universidade de Notre Dame, seguindo-se um mestrado em Relações Internacionais pela Universidade Estatal de Troy, em 1989, e um mestrado em Engenharia Aeroespacial pela Universidade da Florida, em 1994. Em 1997 recebe um doutoramento em Engenharia Astronáutica pelo Instituto de Tecnologia da Força Aérea. É graduado da Escola de Oficiais de Esquadrão, do Air Command and Staff College Associate Program, e do Air War College.

K. Ford ingressou nas forças armadas através do programa Reserve Officer Training Corps em 1982 e completou o treino primário de piloto de avião a jacto na Base Aérea de Columbus, Mississípi, em 1984. Treinou no F-15 Eagle e foi destacado para o 22º Esquadrão Táctico de Caças na Base Aérea de Bitburg, Alemanha, entre 1984 e 1987, e depois para o 57º Esquadrão de Caças de Intercepção na Base Aérea Naval de Keflavik; Islândia, até 1989, interceptando e escoltando 18 aviões de combate soviéticos sobre o Atlântico Norte. Após passar o ano de 1990 como estudante na Escola de Pilotos de Teste da Força Aérea dos Estados Unidos, na Base Aérea de Edwards, Califórnia, Kevin Ford voou missões de ensaio no F-16 Fighting Falcon com o 3247º Esquadrão de Teste na Base Aérea de Eglin; floroda, entre 1991 e 1994. Aqui voou muitas missões de desenvolvimento do F-16, desenvolvimento do sistema de contra medidas ALE-47 Countermeasures Dispenser System, vários testes de separação segura e de voo balístico, e testes de desenvolvimento de mísseis ar – ar, incluindo o primeiro disparo do AMRAAM a partir da variante F-16 Air Defense Fighter. Após três anos destinados a completar o doutoramento na Base da Força Aérea de Wright-Patterson, Ohio, foi destacado para a Escola de Pilotos de Teste onde serviu como Director de Planos e Programas, levando a cabo ensino académico, e instruindo os estudantes em técnicas de voo no F-15, F-16 e planadores.

Acumulou mais de 4.300 horas de voo e possui certificados comerciais para aviões, helicópteros e planadores. É instrutor de voo certificado para aviões e planadores. Desde Junho de 2008 que se encontra retirado do serviço militar activo.

Foi seleccionado para astronauta no Grupo 16 em Agosto de 2000. Após a finalização de dois anos de treino e avaliação, foi destacado para serviços técnicos no ramo de Veículos Avançados do Corpo de Astronautas, trabalhando em assuntos relacionados com explorações avançadas, e para o Ramo do Vaivém Espacial, trabalhando no desenvolvimento e teste do Shuttle Cockpit Avionics Upgrade. Serviu como Director de Operações no Dentro de Treino de Cosmonautas Yuri Gagarin, Cidade das Estrelas – Rússia, entre Janeiro e Dezembro de 2004. Entre Janeiro de 2005 e Julho de 2008 serviu como CAPCOM para as missões do vaivém espacial e da estação espacial internacional no Centro de Controlo da Missão para os voos STS-115, STS-116, STS-117, STS-120, STS-122, e STS-123.

A missão STS-128 foi o primeiro voo espacial orbital de Kevin Ford que se tornou no 500º ser humano e no 321º astronauta dos Estados Unidos (juntamente com o astronauta José Moreno Hernandez e com a astronauta Nicole Marie Passonno Stott) a realizar um voo espacial orbital. A missão STS-128 teve uma duração de 13 dias 20 horas 53 minutos e 43 segundos.

Esta é a segunda missão espacial de Kevin Ford que assim se torna no 328º ser humano e no 230º astronauta norte-americano a realizar duas missões espaciais.

Imagens: RKK Energia

Deixe um comentário