Black Brant-IX tagged posts

NASA lança missões WINDI

Duas missões sub-orbitais WINDI (Waves and Instabilities from a NeutralDynamo) foram lançadas desde Kwajalein a 10 de Setembro de 2017.

Estas missões tiveram como objectivo o estudo dos distúrbios atmosféricos e foram lançadas desde Roi-Namur utilizando um foguetão-sonda Black Brant-IX e um foguetão-sonda Terrier-Improved Malemute. O primeiro lançamento teve lugar às 1134UTC e o segundo lançamento teve lugar às 1139UTC.

Imagem: NASA/Matt Griffin

Leia mais

NASA lança missões para estudar as auroras desde Poker Flats

A NASA levou a cabo o lançamento de dois foguetões-sonda Black Brant-IX transportando instrumentos para o estudo das auroras boreais. Os lançamentos tiveram lugar às 0541UTC e às 0542UTC do dia 2 de Março de 2017 desde Poker Flats, Alasca.

A missão NASA 36.301GE atingiu uma altitude de 350 km e a missão NASA 36.306GE atingiu uma altitude de 190 km.

Os dois lançamentos fizeram parte da missão Neutral Jets in Auroral Arcs.

Imagem: NASA

Leia mais

NASA lança ISINGLASS-2 para estudar as auroras

NASA

A agência espacial Norte-americana, NASA, levou a cabo no dia 2 de Março, o lançamento da segundo de duas missões para estudar as auroras.

O lançamento da missão ISINGLASS-2 (NASA 36.304 UE))teve lugar às 0750UTC e foi levado a cabo por um foguetão-sonda Black Brant-IX a partir de Poker Flats, Alasca.

A instrumentação da missão Ionospheric Structuring: In Situ and Groundbased Low Altitude StudieS, foi elevada a uma altitude de 365 km.

A missão incluiu o lançamento de dois foguetões-sonda com instrumentação igual para voar em dois tipos distintos de auroras – um arco V-invertido e uma cortina Alfenic dinâmica.

A missão ISINGLASS-1 foi lançada a 22 de Fevereiro de 2017.

Leia mais

NASA lança ISINGLASS para estudar as auroras

A agência espacial Norte-americana, NASA, levou a cabo no passado dia 22 de Fevereiro, o lançamento da primeira de duas missões para estudar as auroras.

O lançamento da missão ISINGLASS (NASA 36.030 UE) teve lugar às 1014UTC e foi levado a cabo por um foguetão-sonda Black Brant-IX a partir de Poker Flats, Alasca.

A instrumentação da missão Ionospheric Structuring: In Situ and Groundbased Low Altitude StudieS, foi elevada a uma altitude de 362 km. A missão inclui o lançamento de dois foguetões-sonda com instrumentação igual para voar em dois tipos distintos de auroras – um arco V-invertido e uma cortina Alfenic dinâmica.

A janela de lançamento para a próxima missão fecha a 3 de Março.

Imagens: NASA

Leia mais

NASA lança missão PolarNOx

A agência espacial Norte-americana, NASA, levou a cabo o lançamento da missão sub-orbital PolarNOx no dia 27 de Janeiro de 2017.

O lançamento da missão Polar Night Nitric Oxide teve lugar às 13:45UTC e foi levado a cabo por um foguetão-sonda Black Brant IX a partir de Poker Flat (Poker Flat Research Range), Alasca. O veículo atingiu um apogeu a 283 km de altitude.

O objectivo da missão foi a medição do óxido nítrico existente nos céus polares e os resultados preliminares mostram que foram obtidos bons dados.

As auroras criam óxido nítrico, mas na noite polar não existem processos significativos para o destruir, possivelmente acumulando-se em grandes concentrações. Em condições apropriadas, o óxido nítrico pode ser transportado para a estratosfera onde irá destruir o ozono...

Leia mais

NASA lança missão suborbital

NASA36318US 1

A agência espacial norte-americana, NASA, lançou a missão suborbital EUV Variability Experiment (EVE) no dia 1 de Junho de 2016.

A missão, também designada NASA 36.318US, foi lançada por um foguetão-sonda Black Brant IX a partir de White Sands, Novo México, às 19:00UTC e atingiu um apogeu de 290,76 km. A carga a bordo tinha uma massa de 530 kg.

A missão EVE foi proposta pela Universidade do Colorado com o objectivo de observar o Sol, fornecendo dados de voo para a calibração do observatório Solar Dynamics Observatory (SDO), nomeadamente os seus espectrómetros EVE.

Imagem: NASA

Leia mais