SpaceX vai voltar ao activo a 8 de Janeiro



A empresa espacial Norte-americana, Space Exploration Technologies Corporation (SpaceX), vai voltar ao activo no dia 8 de Janeiro, finalizada que está a investigação sobre a explosão que levou à perda do satélite de comunicações Amos-9 e de um foguetão Falcon-9 no dia 1 de Setembro de 2016.

O foguetão Falcon-9 (30) será lançado desde a Base Aérea de Vandenberg, Califórnia, transportando uma carga de dez satélites Iridium NEXT para comunicações móveis. 

A explosão de Setembro de 2016 esteve relacionada com uma falha de um  Composite Overwrapped Pressure Vessel (COPV). A equipa de investigadores identificou várias causas credíveis para a falha do COPV, todas elas envolvendo a acumulação de oxigénio líquido super arrefecido ou de oxigénio sólido. Em resultado da investigação, a SpaceX tomou todas as medidas correctivas para todas as causas possíveis e focou-se em alterações que evitem as condições que levaram a todas estas causas credíveis.

Deixe um comentário