Shenzhou-9 lançada sem tripulação?




Recentes notícias (que entretanto foram removidas da Internet) deram conta de que a missão Shenzhou-9 terá lugar no próximo mês de Junho, mas que será lançada sem qualquer tripulação.

Ao contrário do que estava previsto, a missão não levará qualquer tripulação a bordo o que por si só poderá indicar a ocorrência de algum tipo de problema no decorrer da missão Shenzhou-8 em Outubro passado.

Inicialmente, as missões Shenzhou-8 e Shenzhou-9 foram referidas como sendo não tripuladas. Porém, semanas antes do lançamento da Shenzhou-8 e mais intensamente após o sucesso desta missão, surgiram notícias que davam conta de que a Shenzhou-9 iria levar os primeiros tripulantes para o módulo orbital TG-1 Tiangong-1. O seu lançamento estava previsto para Março de 2012, com o lançamento da Shenzhou-10 a ter lugar em finais de 2012.

Agora, e após uma publicação na Internet, entretanto removida, parece que a Shenzhou-9 será lançada sem tripulação com o intuito de testar a ligação física entre os dois veículos. De facto, este teste poderia ser executado com uma tripulação a bordo da Shenzhou-9, mas aparentemente as autoridades chinesas preferem executar uma aproximação mais cautelosa a esta situação. 

A missão da Shenzhou-8 foi aclamada como um sucesso total, executando duas acoplagens em órbita e regressando sem problemas à Terra, o que abriria o caminho para uma missão tripulada no próximo lançamento da China.

Este adiamento, segundo Morris Jones, pode assim também indicar uma falta de confiança nas cápsulas Shenzhou. A partir da Shenzhou-8, os veículos tripulados da China são construídos em série não havendo lugar a grandes modificações entre eles (nomeadamente na Shenzhou-8, Shenzhou-9 e Shenzhou-10). A situação agora surgida pode indicar a ocorrência de uma grave falha que levou ao adiamento da Shenzhou-9 para Junho e da Shenzhou-10 para 2013.

Deixe um comentário