Shenzhou-10 (IX) – Regressando a casa



Separação SZ-10

Os três tripulantes da missão espacial SZ-10 Shenzhou-10 iniciaram o regresso à Terra deixando o modulo orbital TG-1 Tiangong-1 em modo automático em órbita terrestre.

Tal como foi habito neste missão, a manobra de separação entre os dois veículos não foi previamente anunciada, mas aparentemente  a separação teve lugar pelas 2300UTC do dia 24 de Junho. Após a separação a Shenzhou-10 realizou uma manobra em torno do módulo orbital, inspeccionando o seu exterior e obtendo fotografias para posterior análise no solo. Alguns relatos indicam que terá ocorrido uma nova acoplagem entre os dois veículos, porém estes relatos não foram confirmados nem os três elementos terão reentrado no Tiangong-1.

Agradecendo a todos aqueles que ajudaram a tornar possível esta missão, os três elementos encerraram depois a escotilha entre os dois veículos às 2107UTC.

Como parte final das operações em órbita, a Shenzhou-10 recebeu um contacto no dia 24 de Junho por parte do Presidente chinês Xi Jiping que agradeceu os esforços levados a cabo pela tripulação.

O módulo Tiangong-1 irá permanecer em órbita por mais três meses, provavelmente reentrando na atmosfera em Setembro.

A Shenzhou-10 foi colocada em órbita a 11 de Junho de 2013 e a primeira acoplagem com  o módulo Tiangong-1 teve lugar a 13 de Junho. O regresso à Terra está previsto para 26 de Junho.

A tripulação é composta por Nie Haisheng (Comandante), Zhang Xiaoguang (Operador) e Wang Yaping (Assistente de Laboratório).

Imagem: Internet Chinesa

Deixe um comentário