Saturno e os seus anéis, 7 de Junho de 2017



A nave espacial internacional Cassini completou metade dos 22 mergulhos entre Saturno e os seus anéis, antes de concluir a sua missão a 15 de Setembro. Cassini tem vindo a explorar o sistema Saturno há já 13 anos e tem feito uma série de órbitas do “grande final” desde 22 de Abril, levando a nave espacial para territórios previamente inexplorados.

Esta image foi capturada a 7 de Junho, na aproximação ao oitavo mergulho. É uma imagem em bruto, obtida com a camera grande angular e mostra o planeta, os seus anéis e uma projecção da sombra de Saturno nos anéis internos. 

Cada uma das 22 órbitas elípticas demora cerca de seis dias e meio a completar e envia a nave espacial num mergulho através de um espaço de 2 400 km de largura, a velocidades que variam entre 121 000 e 126 000 km/h. 

Além de retornar imagens deslumbrantes, os mergulhos estão a permitir a coleta de dados únicos que ajudarão os cientistas a resolver mistérios quanto à massa dos anéis de Saturno e à taxa de rotação do planeta. Nas cinco órbitas finais, a nave espacial também irá mergulhar para recolher, directamente, amostras da atmosfera superior de Saturno. 

Seguindo a última órbita, a nave espacial fará uma passagem distante por Titã, que irá alterar a trajectória de Cassini uma última vez, enviando-a num mergulho controlado na atmosfera do planeta para concluir esta incrível missão. 

Leia mais sobre o “grande final” aqui e confira as imagens mais recentes na galeria de imagens em bruto

A missão Cassini-Huygens é um projecto cooperativo da NASA, ESA e ASI, a Agência Espacial Italiana.

Notícia e imagem: ESA

Texto corrigido para Língua Portuguesa pré-AO90

Tags:  , ,

Deixe um comentário