Satélites na detecção de drones e orientação de ciclistas



onyxstar-1

Um sistema era-espacial para a detecção de drones levou para casa o grande prémio na Competição Europeia de Navegação por Satélite deste ano, enquanto o prémio da ESA foi para um sistema de navegação inteligente na campainha das bicicletas. 

Os drones são uma das maiores tendências deste ano, oferecendo muitas aplicações úteis. Ao mesmo tempo, existem crescentes preocupações no que diz respeito à segurança, com muitos casos de drones voando perto demais de aeroportos e aviões, incluindo uma quase-colisão em Munique, em Agosto.

Em resposta, Carmine Clemente e a sua equipa da Universidade de Strathclyde, em Glasgow, na Escócia, estão a desenvolver um sistema baseado em satélites para a detecção precoce e acompanhamento de drones. 

Oferece uma cobertura contínua ao longo de uma área fixa por meio de sensores que medem como os drones afectam os sinais de navegação por satélite. As diferenças entre os sensores identificam os drones e permitem o seu rastreamento, revelando o risco de colisão com aviões na aterragem e decolagem.

O grande prémio de €10 000  foi presenteado à equipa no ‘Circulo de Bellas Artes’ em Madrid, a noite passada. Além disso, o projecto irá receber um extenso pacote que inclui publicidade, consultoria e assistência técnica, impulsionado pelo prémio regional do Reino Unido.

Com a tecnologia e o estudo de viabilidade já em vigor, o Dr. Clemente prevê que produto deva estar no mercado dentro de dois anos.

A campainha de bicicleta inteligente

O prémio da ESA para novas ideias que podem rapidamente tornar-se em novas empresas rentáveis foi para a empresa ‘Blubel Tech‘ da Inglaterra, pela sua campainha de bicicleta inteligente, que orienta os ciclistas de forma simples e intuitiva usando uma mistura de sons e luzes.

 Os ciclistas já não precisam preocupar-se em se perder ou distrair em ruas movimentadas ou ter que retirar o seu telefone para orientação durante o ciclismo. Uma rápida olhadela na Blubel no seu guiador indicará a próxima viragem e o caminho ao seu destino.

Activada por uma aplicação de navegação por satélite no seu smartphone, a campainha aprende com outros ciclistas e sugere os percursos mais rápidos, fáceis e seguros. Pode também recolher dados sobre as rotas que o ciclista prefere e outros aspectos para melhorar o seu cálculo da rota para o resto da comunidade.

O prémio ESA de €7.000 foi apresentado à empresa Blubel pelo Director do Gabinete do Programa de Transmissão de Tecnologia da ESA, Frank M. Salzgeber. A empresa irá em breve começar a trabalhar na incubadora de empresas da ESA em Harwell, Reino Unido, para comercializar o dispositivo.

Treze anos de competição

Na competição deste ano deram entrada mais de 400 propostas de ideias de negócio e conceitos técnicos sobre como o sistema de navegação por satélite poderia ser usado para melhorar a vida diária na Terra.

Desde 2004, a competição celebrou mais de 300 vencedores, cerca de 3800 inscrições e mais de 10 000 participantes de todo o mundo, tornando-se a rede de inovação líder na navegação por satélite. Como resultado, está agora a desempenhar um papel fundamental na captação de programas Europeus de navegação por satélite.

“Os empresários a jusante e em fase de arranque desempenham um papel importante”, observou Matthias Petschke, Director dos Programas Europeus de Navegação por Satélite da Comissão Europeia.

São eles que trazem EGNOS e Galileo para a Terra através das aplicações que desenvolvem. Este é o lugar onde a Competição Europeia de Navegação por Satélite desempenha um papel crucial. Já acumulou um histórico de sucessos na promoção da inovação e desenvolvimento de aplicações em navegação por satélite, desde o seu lançamento“.

Organizado pela alemã Anwendungszentrum Oberpfaffenhofen, a ESA tem sido um parceiro chave na competição desde 2005. Os vencedores anteriores do prémio ESA incluem navegação em tempo real, compacta e de precisão centimétrica, que torna mais simples o desenvolvimento de novas aplicações de navegação por satélite, um sistema de monitorização inteligente para reboques e máquinas, um sistema de navegação prático e táctil e um sistema de controlo de poluição da água.

Mais sobre o evento deste ano aqui e detalhes sobre a competição com todas as ideias vencedoras aqui.

Notícia e imagens: ESA

Tags:  

Deixe um comentário