Resolvido mistério com cerca de 40 anos



Imagens recentes da sonda lunar norte-americana Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO) permitiram esclarecer um mistério com cerca de 40 anos sobre o que teria acontecido à sonda lunar soviética Luna-23.

A Luna-23 (E-8-5M n.º 410) foi lançada às 1430:32UTC do dia 28 de Outubro de 1974 pelo foguetão 8K82K Proton-K/D (28501/0901) a partir da Plataforma de Lançamento PU-24 do Complexo de Lançamento LC81 do Cosmódromo NIIP-5 Baikonur. A sua missão era a de recolher amostras da superfície lunar no Mare Crisium e trazê-las de volta para a Terra. No entanto, um problema então desconhecido levou à perda de contacto com a sonda três dias após a alunagem e sem esta ter conseguido realizar as suas tarefas na superfície da Lua.

As imagens agora obtidas pela LRO mostram que a Luna-23 terá tombado sobre um dos seus lados, impedindo assim a finalização com sucesso da sua missão. Na imagem é visível o módulo de regresso à Terra ainda no topo da sonda. Outras imagens mostram também a sonda Luna-24 que lançada a 9 de Agosto de 1976 iria alunar a cerca de 2 km da Luna-23 e realizar a sua missão,colocando também um ponto final no programa de exploração lunar não tripulado da União Soviética.

Imagem: NASA/Goddard/Arizona State University

Deixe um comentário