Regressos e reentradas (46)



Cygnus reentrada Surayev 01 

Entre 22 de Junho e 17 de Julho de 2016 registou-se a reentrada de oito satélites e de cinco estágios superiores.

Obviamente, outros objectos reentraram na atmosfera neste período, no entanto os objectos aqui listados são apenas os objectos principais resultantes de cada lançamento orbital (cargas operacionais e estágios superiores), excluindo-se os objectos classificados como detritos ou mesmo aqueles descartados a partir da estação espacial internacional (exceptuando, claro está, os satélites operacionais) e a partir de satélites operacionais e que são usualmente classificados como ‘detritos espaciais’.

No dia 22 de Junho reentraram na atmosfera o satélite Flock-1e (8) e o veículo de carga Cygnus OA-6 (CRS6) ‘S.S. Rick Husband’. O satélite Flock-1e (8) (40727 1998-067GK) reentrou na atmosfera após permanecer 435 dias em órbita. Havia sido lançado a bordo do veículo de carga Dragon SpX-6 (CRS6) pelo foguetão Falcon-9 v1.1R (F-17) às 20:10:41UTC do dia 14 de Abril de 2015 a partir do Complexo de Lançamento SLC-40 do Cabo Canaveral AFS. O satélite seria colocado em órbita a partir da estação espacial internacional. Os satélites Flock fazem parte de uma constelação de satélites de observação da Terra desenvolvida pela Planet Labs e são baseados no modelo CubeSat-3U, tendo uma massa de 5 kg. Por seu lado, o veículo de carga Cygnus OA-6 (CRS6) ‘S.S. Rick Husband’ permaneceu 91 dias em órbita após ter sido lançado a 23 de Março de 2016.

O satélite Flock-1e (4) (40724 1998-067GG) reentrou na atmosfera a 24 de Junho de 2016 após permanecer 437 dias em órbita. Este satélite foi lançado juntamente com o Flock-1e (8) e outros satélites.

O estágio superior YZ-1A (41624 2016-042A) reentrou na atmosfera a 27 de Junho após dois dias em órbita. Foi lançado pelo foguetão CZ-7 Chang Zheng-7/YZ-1A (Y1) às 12:00:07,413UTC do dia 25 de Junho a partir do Complexo de Lançamento LC201 do Centro de Lançamentos Espaciais de Wenchang.

O último estágio do foguetão CZ-2C Chang Zheng-2C (Y17) – (39000 2012-064D) – reentrou na atmosfera a 27 de Junho após permanecer 1317 dias em órbita. Foi lançado às 22:53:04,688UTC a partir do Complexo de Lançamento LC9 do Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan e serviu para colocar em órbita os satélites HJ-1C Huanjing-1C, FN-1A Fengniao-1A e FN-1B Fengniao-1B.

O módulo orbital do satélite SJ-10 Shijian-10 – 41455 2016-023E – reentrou na atmosfera a 1 de Julho, após permanecer 86 dias em órbita. O seu lançamento teve lugar às 17:38:04,168UTC do dia 6 de Abril de 2016 e foi levado a cabo pelo foguetão CZ-2D Chang Zheng-2D (Y36) a partir da Plataforma de Lançamento 603 do Complexo de Lançamento LC43 do Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan. 

O veículo de carga russo Progress MS-01 (41177 2015-080A) reentrou na atmosfera a 3 de Julho após permanecer em órbita durante 195 dias. Foi lançado às 08:44:39,465UTC do dia 21 de Dezembro de 2015 pelo foguetão 14A14-1A Soyuz-2-1A (R15000-026) a partir da Plataforma de Lançamento PU-6 do Complexo de Lançamento LC31 do Cosmódromo de Baikonur, Cazaquistão.

A 3 de Julho reentrou na atmosfera o último estágio (41035 2015-067B) do foguetão lançador CZ-3B Chang Zheng-3B/G2 (Y38) após permanecer 226 dias em órbita. Lançado às 16:07:04,308UTC do dia 20 de Novembro de 2015 a partir do Complexo de Lançamento LC2 do Centro de Lançamento de Satélites de Xichang, o foguetão serviu para colocar em órbita o satélite de comunicações LaoSat-1. No dia seguinte, 4 de Julho, reentrou na atmosfera o último estágio (41239 2016-001B) do foguetão lançador CZ-3B Chang Zheng-3B/G2 (Y29) após permanecer 171 dias em órbita. Lançado às 16:57:04,080UTC do dia 15 de Janeiro de 2016 a partir do Complexo de Lançamento LC3 do Centro de Lançamento de Satélites de Xichang, o foguetão serviu para colocar em órbita o satélite de comunicações BelinterSat-1 / ZX-15 Zhongxing-15.

O satélite EROS-A1 (26631 2000-079A) reentrou na atmosfera a 7 de Julho. Destinado à observação da Terra, o EROS-A1 foi lançado às 12:32UTC do dia 5 de Dezembro de 2000 pelo foguetão 15Zh58 Start-1 (434) a partir do Complexo de Lançamento LC5 do Cosmódromo GIK-2 Svobodniy. A reentrada deu-se 5693 dias após o seu lançamento.

O estágio superior Blok-I (41640 2016-044B) do foguetão 11A511U-FG Soyuz-FG (P15000-056), reentrou na atmosfera a 10 de Julho. O seu lançamento teve lugar às 01:36:40,208UTC do dia 7 de Julho a partir da Plataforma de Lançamento PU-5 do Complexo de Lançamento LC1 do Cosmódromo de Baikonur. Este lançamento colocou em órbita a cápsula espacial tripulada Soyuz MS para a ISS. A reentrada dá-se 3 dias após o seu lançamento.

O satélite Flock-1e (7) (40726 1997-067GJ) reentrou na atmosfera no dia 17 de Julho após permanecer 460 dias em órbita. O Flock-1e (1) foi lançado a bordo do veículo de carga Dragon SpX-6 (CRS6) pelo foguetão Falcon-9 v1.1R (F-17) às 20:10:41UTC do dia 14 de Abril de 2015 a partir do Complexo de Lançamento SLC-40 do Cabo Canaveral AFS. O satélite seria colocado em órbita a partir da estação espacial internacional. Os satélites Flock fazem parte de uma constelação de satélites de observação da Terra desenvolvida pela Planet Labs e são baseados no modelo CubeSat-3U, tendo uma massa de 5 kg. 

Próximas reentradas:

  • Flock-1e (6) (40729 1998-067GM) – 20 de Julho
  • Dragonsat (39383 2013-064D) – 20 de Agosto

Deixe um comentário