Regressos e reentradas (40)



Progress-reentry

Entre 8 e 22 de Dezembro de 2015 registou-se a reentrada de nove satélites e de três estágios superiores, além de um regresso à Terra.

Obviamente, outros objectos reentraram na atmosfera neste período, no entanto os objectos aqui listados são apenas os objectos principais resultantes de cada lançamento orbital (cargas operacionais e estágios superiores), excluindo-se os objectos classificados como detritos ou mesmo aqueles descartados a partir da estação espacial internacional (exceptuando, claro está, os satélites operacionais) e a partir de satélites operacionais e que são usualmente classificados como ‘detritos espaciais’.

O satélite Prometheus-1 (3) (39408 2013-064AE) reentrou na atmosfera a 8 de Dezembro. O satélite foi lançado às 0115UTC do dia 20 de Novembro de 2013 a partir do Complexo de Lançamento LA-0B do MARS Wallops Island, por um foguetão Minotaur-1. O Prometheus-1 (3) fazia parte de uma série de oito CubeSat-1.5U desenvolvidos para demonstração tecnológica e para avaliar novas metodologias e operações de desenvolvimento de baixo custo. A reentrada deu-se 748 dias após o lançamento.

O estágio superior Volga (15000-002) (41102 2015-071D) e o satélite Cosmos 2511 (41098 2015-071A) reentraram na atmosfera a 8 de Dezembro, três dias após o lançamento que teve lugar às 1808:33,251UTC a partir do Complexo de Lançamento LC43/4 do Cosmódromo de Plesetsk. O lançamento foi levado a cabo pelo foguetão 14A15 Soyuz-2.1V/Volga (78031001/15000-002).

Os satélites Prometheus-1 (2) (39391 2013-064M) e Prometheus-1 (6) (39394 2013-064Q) reentraram na atmosfera a 10 de Dezembro. Os satélite foram lançados às 0115UTC do dia 20 de Novembro de 2013 a partir do Complexo de Lançamento LA-0B do MARS Wallops Island, por um foguetão Minotaur-1, fazendo parte de uma série de oito CubeSat-1.5U desenvolvidos para demonstração tecnológica e para avaliar novas metodologias e operações de desenvolvimento de baixo custo. A reentrada deu-se 750 dias após o lançamento.

A cápsula espacial tripulada Soyuz TMA-17M regressou à Terra no dia 11 de Dezembro após permanecer cerca de 141 dias em órbita.

O satélite Prometheus-1 (1) (39406 2013-064AC) reentrou na atmosfera a 12 de Dezembro. O satélite foi lançado às 0115UTC do dia 20 de Novembro de 2013 a partir do Complexo de Lançamento LA-0B do MARS Wallops Island, por um foguetão Minotaur-1. O Prometheus-1 (1) fazia parte de uma série de oito CubeSat-1.5U desenvolvidos para demonstração tecnológica e para avaliar novas metodologias e operações de desenvolvimento de baixo custo. A reentrada deu-se 752 dias após o lançamento.

Os satélites Prometheus-1 (4) (39390 2013-064L) e Swampsat (39402 2013-064Y) reentraram na atmosfera a 13 de Dezembro. Os satélite foram lançados às 0115UTC do dia 20 de Novembro de 2013 a partir do Complexo de Lançamento LA-0B do MARS Wallops Island, por um foguetão Minotaur-1. O Prometheus-1 (4) fazia parte de uma série de oito CubeSat-1.5U desenvolvidos para demonstração tecnológica e para avaliar novas metodologias e operações de desenvolvimento de baixo custo, enquanto que o Swampsat tinha como objectivo testar novas tecnologias, nomeadamente giroscópios avançados CMG (Control Moment Gyroscopes) para pequenos satélites. As reentradas deram-se 753 dias após o lançamento.

O satélite Gruzomaket (28098 2003-055A) reentrou na atmosfera a 15 de Dezembro. O Gruzomaket era uma carga de avaliação, representando um modelo dinâmico do satélite Kondor. O seu lançamento teve lugar às 0600:00,485 UTC do dia 5 de Dezembro de 2003 e foi levado a cabo pelo foguetão 14A36 Strela (5117822123) a partir do Complexo de Lançamento LC175/59 do Cosmódromo GIK-5 Baikonur. A sua reentrada ocorre 4393 dias após o lançamento.

No dia 17 de Dezembro ocorreu a reentrada do último estágio do foguetão 11A511U-FG Soyuz-FG (G15000-055) que foi lançado às 1103:09,328UTC do dia 15 de Dezembro de 2015 e que foi utilizado para colocar em órbita a cápsula espacial tripulada Soyuz TMA-19M. O lançamento teve lugar desde a Plataforma de Lançamento PU-5 do Complexo de Lançamento LC1 do Cosmódromo de Baikonur. A reentrada do objecto 41125 2015-072B ocorre 2 dias após o seu lançamento.

O veículo de carga Progress M-27M (40713 2015-031A) reentrou na atmosfera no dia 19 de Dezembro, 169 dias após o seu lançamento.

No dia 23 de Dezembro ocorreu a reentrada do último estágio (Blok-I) do foguetão 14A14-1A Soyuz-2-1A (R15000-026) que foi lançado às 0844:39,465UTC do dia 21 de Dezembro de 2015 e que foi utilizado para colocar em órbita o veículo de carga Progress MS. O lançamento teve lugar desde a Plataforma de Lançamento PU-6 do Complexo de Lançamento LC31 do Cosmódromo de Baikonur. A reentrada do objecto 41178 2015-080B ocorre 2 dias após o seu lançamento.

As próximas reentradas previstas são:

– Flock-1d (2) (40452 1998-067FV) : 23 de Dezembro

– Arkyd-3R (40742 1998-067GU): 23 de Dezembro

– ORSES (39386 2013-064G): 28 de Dezembro

– COPPER (39395 2013-064R): 28 de Janeiro

Deixe um comentário