R3D2 vai ser lançado desde a Nova Zelândia

Recentemente a Rocket lab anunciou o lançamento de uma missão para a DARPA para colocar em órbita o satélite R3D2 (Radio Frequency Risk Reduction Deployment Demonstration). Esta é uma missão da para qualificar um novo tipo de antena reflectora de membrana. A antena, feita de membrana Kapton com tecido fino, é armazenada no lançamento e, em seguida, será implantada no seu tamanho total de 2,25 metros de diâmetro quando atingir a órbita terrestre.

O lançamento será levado a cabo pelo foguetão Electron/Curie (F5) a partir do Complexo de Complexo LC-1 do Centro de Lançamento de Máhia, Nova Zelândia. O lançamento está previsto para as 2230UTC do dia 24 de Março de 2019.


O R3D2 irá monitorizar a dinâmica da abertura da antena, e as características de sobrevivência e de radiofrequência da antena na órbita da Terra. A antena pode permitir múltiplas missões que actualmente exigem grandes satélites, incluindo comunicações de alta taxa de dados para usuários desfavorecidos no solo. Uma demonstração bem sucedida também ajudará a provar uma capacidade de uma missão para lançar de forma rápida e com baixo custo, permitindo que o Departamento de Defesa, assim como outros usuários, aproveite ao máximo o novo mercado comercial de veículos lançadores pequenos e baratos. O projecto, o desenvolvimento e o lançamento dos satélites levaram aproximadamente 18 meses.

A Northrop Grumman é a contratada principal e integrou o satélite de 150 kg. Por seu lado, a MMA Design projectou e construiu a antena. A Trident Systems projectou e construiu o rádio definido por software do R3D2, enquanto que a Blue Canyon Technologies forneceu a plataforma FleXbus, que é baseado na plataforma Microsat / ESPAsat. O R3D2 é o primeiro satélite encomendado pela BCT no programa Blackjack da DARPA.

 

Comente este post

%d blogueiros gostam disto: