Primeiro componente da ‘Autoestrada de Dados Espaciais’ pronto para o lançamento



Eutelsat-9B_Proton 1

O  primeiro módulo do European Data Relay System (Sistema Europeu de Transmissão de Dados – EDRS) será lançado a 29 de Janeiro, de Baikonur, Cazaquistão. 

O EDRS é um sistema único e o mais ambicioso programa de telecomunicações até à data, criando os meios para o aparecimento de um mercado completamente novo, na comunicação comercial por satélite. 

Com a alcunha de Autoestrada de Dados Espaciais, o EDRS irá fornecer de forma única e quase em tempo real serviços de retransmissão de Big Data usando tecnologia laser de ponta. Isto irá aumentar de forma dramática o acesso a dados essenciais, em situações de emergência, ajudando as autoridades na resposta de emergência, ou na vigilância marítima, por exemplo.

A Airbus Defence and Space é parceira da ESA neste programa e o operador do serviço. O primeiro módulo, chamado EDRS-A, irá começar a retransmitir informação já este verão para os seus primeiros clientes: os satélites  Sentinel-1 e -2 da ESA/Comissão Europeia. 

A partir desta altura, a ESA e a Airbus irão usar o primeiro e os futuros módulos do EDRS para aumentar o tempo durante o qual os satélites de órbita baixa, a Estação Espacial Internacional e as aeronaves não tripuladas podem enviar dados para a Terra, passando de intermitente para quase-contínuo, o que abre um grande leque de possibilidades. 

Quando estiver a funcionar em pleno, o EDRS irá restransmitir até 50 terabytes de dados do espaço para a Terra, todos os dias. Irá acabar com o atual atraso de downlink que impede o acesso imediato a informação de satélite e eliminar progressivamente a dependência de estações estrangeiras em terra. 

O EDRS-A será lançado como carga convidada no satélite Eutelsat-9B a 29 de Janeiro às 2220UTC (23:20 CET) num foguetão Proton, com a separação do satélite a ocorrer cerca de 9 horas depois. Os testes em órbita irão começar no laser do EDRS três semanas mais tarde. As cargas foram construídas pela subsidiária da Airbus, TESAT-Spacecom, e financiadas pela DLR German Aerospace Center Space Administration

Saiba mais sobre o EDRS at: http://www.esa.int/EDRS e siga a missão  no Twitter através das hashtags #SpaceDataHighway e #e9b, @ESA & @ESA_Artes_apps

Notícia e imagem: ESA

Tags:  , ,

Deixe um comentário