NASA irá testar módulo expansível da Bigelow




Em 2015 a NASA irá acrescentar um novo elemento à estação espacial internacional com o objectivo de testar a tecnologia de expansão do espaço habitável na estação. A agência espacial norte-americana atribuiu um contrato à empresa Bigelow Aerospace para o fornecimento do Bigelow Expandable Activity Module (BEAM) para uma missão de demonstração que terá uma duração de dois anos. A missão é financiada pelo programa Advanced Exploration Systems da NASA.

O BEAM será lançado a bordo da oitava missão logística da SpaceX e após a sua chegada à ISS, os astronautas irão utilizar o sistema de manipulação robótica da estação para instalar o módulo na parte posterior do módulo Tranquility. Após o BEAM ter sido ancorado no Tranquility, a tripulação irá activar o sistema de pressurização para expandir a sua estrutura utilizando ar armazenado no BEAM.

Durante o período de testes a tripulação e os controladores no solo irão obter dados acerca do módulo, incluindo a sua integridade estrutural e nível de vazamento de ar. Um conjunto de instrumentos no próprio módulo irão também fornecer dados importantes sobre a sua resposta ao ambiente espacial, incluindo alterações dos níveis de radiação e de temperatura em comparação com os habituais módulos de alumínio.

Os astronautas irão entrar no módulo de forma periódica para realizarem inspecções e obterem dados sobre a sua performance. Após o período de testes o módulo será descartado e deverá ser destruído na reentrada atmosférica.

Imagem: Bigelow Aerospace

Deixe um comentário