Lançamento comercial do Japão



Telstar-12V_H-2A 13

O Japão levou a cabo o lançamento do satélite de comunicações Telstar-12 VANTAGE (ou Telstar-12V) às 0650UTC do dia 24 de Novembro de 2015 utilizando uma versão melhorada do seu foguetão H-2A na sua primeira missão comercial. O lançamento do H-2A/204 (F29) teve lugar a partir partir da Plataforma de Lançamento LP1 do Complexo de Lançamento Yoshinobu do Centro Espacial de Tanegashima, sendo adiado da sua hora prevista (0623UTC) devido ao facto de uma embarcação ter violado a zona marítima de segurança.

Neste lançamento o foguetão H-2A/204 foi melhorado por forma a aumentar a sua fiabilidade. Estes melhoramentos operaram-se ao nível da sua função e performance, e reduziram-se os custos de manutenção / renovação das instalações. Assim, pretendeu-se aumentar a capacidade de lançamento para os satélites geossíncronos ao aumentar a duração do tempo de voo e o número de ignições do segundo estágio, introduziram-se padrões de voo mais flexíveis. Por outro lado, facilitaram-se as restrições ambientais a bordo para diferentes cargas.

Lançamento do Telstar-12V

Após a ignição da missão F29, o lançador ascende verticalmente sobre a plataforma de lançamento e pouco depois inicia uma manobra para se colocar no azimute de voo necessário para a sua missão. O primeiro e o segundo par de propulsores laterais de combustível sólido, a carenagem de protecção e o primeiro estágio devem separar-se, respectivamente, a T+127s, 130s, 205s e 408s.

Telstar-12V_H-2A 6

O final da primeira queima do segundo estágio irá ocorrer na área de visibilidade da estação de seguimento de Ogasawara e a segunda queima está prevista para ter lugar no equador. Após um longo período não propulsivo, a terceira queima do segundo estágio terá lugar no apogeu orbital. A separação do Telstar-12 VANTAGE terá lugar na área de visibilidade da estação de seguimento de Santiago a cerca de T+4h 27m após o lançamento.

Telstar-12V_H-2A 10

Telstar-12V_H-2A 12

Telstar-12V_H-2A 11

Telstar-12V

Telstar-12VO contrato para a construção do Telstar-12V foi atribuído em Agosto de 2013 pela Telesat à então EADS Astrium (actual Airbus Defence and Space). O satélite é baseado no modelo Eurostar-3000 e tem uma massa de cerca de 5.000 kg no lançamento. O satélite está equipado com 52 repetidores de banda-Ku e irá substituir o satélite Telstar-12 a 15º longitude Oeste. O novo satélite está baseado na Plataforma Eurostar-300 e está equipado com duas asas solares com cinco painéis solares cada uma que são capazes de gerar 11 kW de potência. O Telstar-12V terá uma vida operacional de 15 anos.

Telstar-12V_H-2A 8

Telstar-12V_H-2A 7

O satélite será utilizado para serviços de comunicações para o continente Americano, para as regiões EMEA, bem como as zonas marítimas na Europa, Caraíbas e América do Sul.

  O foguetão H-2A/204

index_04O desenvolvimento do lançador H-2A surgiu após os maus resultados obtidos com o lançador H-2 que resultaram na perda de vários satélites nas suas missões finais.

O H-2A na sua versão 204 é um lançador a três estágios auxiliados por quatro propulsores laterais de combustível sólido SRB-A que entram em ignição no lançamento. Assim, o H-2A/204 tem a capacidade de colocar 6.100 kg numa órbita de transferência para a órbita geossíncrona. A sua massa total é de 443.000 kg. A sua envergadura é de 9 metros. O seu diâmetro é de 4,0 metros e o seu comprimento atinge os 53,00 metros.

Cada SRB-A (Solid Rocket Boosters-A), considerado por muitos como o estágio 0 (zero), tem um peso bruto de 75.500 kg, pesando 10.500 kg sem combustível. Cada propulsor tem um diâmetro de 2,5 metros, um comprimento de 15,1 metros e desenvolve 229.435 kgf no lançamento, com um Ies de 282,5 s (vácuo), um Ies-nm de 230 s e um Tq 101 s.

O primeiro estágio do H-2A/204 tem um peso bruto de 113.600 kg, pesando 13.600 kg sem combustível. Tem um diâmetro de 4,0 metros, um comprimento de 37,2 metros e desenvolve 111.964 kgf no lançamento, com um Ies de 440 s (vácuo), um Ies-nm de 338 s e um Tq 390 s. Está equipado com um motor LE-7A, desenvolvido pela Mitsubishi, que consome LOX e LH2. O LE-7A pode variar a sua potência em 72%.

Finalmente o segundo estágio tem um peso bruto de 16.900 kg, pesando 3.100 kg sem combustível. Tem um diâmetro de 4,0 metros, um comprimento de 9,2 metros e desenvolve 13.970 kgf no lançamento, com um Ies de 448 s e um Tq 534 s. Está equipado com um motor LE-5B, desenvolvido pela Mitsubishi, que consome LOX e LH2.

Telstar-12V_H-2A 5

Telstar-12V_H-2A 3

O esquema seguinte mostra as diferentes configurações do foguetão H-2A. Presentemente só as versões 202 e 204 estão operacionais.

h-2a_2014-10-05_21-34-54

Dados Estatísticos e próximos lançamentos

– Lançamento orbital: 5497

– Lançamento orbital com sucesso: 5145

– Lançamento orbital Japão: 101

– Lançamento orbital Japão com sucesso: 92

– Lançamento orbital desde Tanegashima: 65

– Lançamento orbital desde Tanegashima com sucesso: 63

– Lançamento orbital desde Tanegashima em 2015: 4

Ao se referir a ‘lançamentos com sucesso’ significa um lançamento no qual algo atingiu a órbita terrestre, o que por si só pode não implicar o sucesso do lançamento ou da missão em causa (como foi o caso do lançamento do Progress M-27M).

A seguinte tabela mostra os totais de lançamentos executados este ano em relação aos previstos para cada polígono à data deste lançamento (os valores referentes aos lançamentos por parte da China não são precisos).

2015-068 1

2015-068 2

Dos lançamentos bem sucedidos levados a cabo: 27,5% foram realizados pela Rússia; 23,2% pelos Estados Unidos (incluindo ULA, 7SpaceX e Orbital SC); 21,7% pela China; 14,2% pela Arianespace; 5,8% pelo Japão; 5,8% pela Índia e 1,4% pelo Irão.

Os próximos lançamentos orbitais previstos são (hora UTC): 

1 Dez (0415:00) – Vega (VV06) – CSG Kourou, ZLV – LISA Pathfinder

2 Dez (????:??) – 8K82KM Proton-M/Briz-M (53544/88533) – Baikonur, LC81 PU-24 – Garpun n.º 12L

3 Dez (2255:41UTC) – Atlas-V/401 (AV-061) – Cabo Canaveral AFS, SLC-41 – Cygnus OA-4 (CRS4); MinXSS; STMSat-1; CADRE; Nodes-1; Nodes-2; Flock-2e (1) a Flock-2e (12)

9 Dez (????:??) – 14A15 Soyuz-2.1V/Volga (76058002/?????) – GIK-1 Plesetsk, LC43/3 – Kanopus-ST; KYuA-1

11 Dez (1345:33) – Zenit-3SLBF/Fregat-SB (Zenit-2SB80.4) – Baikonur, LC45 PU-1 – Elektro-L n.º 2

Deixe um comentário