Índia testa motor criogénico para foguetão GSLV MkIII



A organização espacial Indiana, Indian Space Research Organisation (ISRO), anunciou que levou a cabo com sucesso um testo do estágio superior criogénico Cryogenic Upper Stage (CUS) para o foguetão GSLV MkIII no dia 25 de Janeiro de 2017.

O estágio superior designado C25 foi testado durante 50 segundos nas instalações de teste ISRO Propulsion Complex (IPRC) localizadas em Mahendragiri. O teste serviu para demonstrar todas as operações do estágio superior, sendo a sua performance tal como previsto. Este foi o primeiro de dois testes, com o segundo a ter a duração de 640 segundos.

O desenvolvimento do C25 teve início com a aprovação do GSLV MkIII que será capaz de colocar em órbita GTO até 4.000 kg. O novo lançador é composto por dois propulsores laterais de combustível sólido (S200), um estágio principal de propelentes hipergólicos (L110) e um estágio superior criogénico (C25).

O C25 foi conceptualizado, projectado e produzido pelo Liquid Propulsion Systems Centre (LPSC), o principal centro de propulsão do ISRO com o apoio de várias agências de desenvolvimento de outros centros do ISRO – Centro Espacial Vikram Sarabhai (VSSC), Complexo de Propulsão do ISRO (IPRC) e o Centro Espacial Sathish Dhawan (SDSC) SHAR. O fabrico dos vários sub-sistemas do motor e do estágio foi levado a cabo nas várias industrias Indianas.

O C25 é o mais potente estágio superior desenvolvido pelo ISRO e utiliza oxigénio líquido (-195ºC) e hidrogénio líquido (-253ºC). O estágio transporta 27.800 kg de propelente e dois tanques independentes. 

Imagem: ISRO

Deixe um comentário