GOES-P – Relatório de Missão nº 1



 

O Boletim Em Órbita inicia hoje a publicação dos Relatórios de Missão nos quais serão relatados os preparativos para o lançamento do satélite meteorológico GOES-P.

O satélite GOES-P será colocado em órbita por um foguetão Delta-IV M (4,2) a partir do Complexo de Lançamento SLC-37B do Cabo Canaveral AFS. O lançamento está previsto para ter lugar no princípio de Março de 2010.

O GOES-P chegou às instalações de aterragem do vaivém espacial a partir das instalações do fabricante em El Segundo, Califórnia, no dia 17 de Dezembro. Após a chegada o satélite foi transportado para as instalações de processamento de carga Astrotech para serem iniciados os testes pré-lançamento. Juntamente com o satélite chegaram também os engenheiros e técnicos da Boeing. Na semana que antecedeu o natal foram finalizados os testes eléctricos, sendo o satélite desactivado posteriormente.

Os testes dos instrumentos serão iniciados a 6 de Janeiro. O teste completo do satélite demora aproximadamente seis semanas e envolve o sistema de obtenção de imagens, instrumentação, comunicações e de fornecimento de energia. Depois o satélite será abastecido com o propolente necessário para as manobras orbitais e para o sistema de controlo de atitude. Após o abastecimento, o GOES-P será colocado no interior da carenagem de protecção no foguetão lançador em preparação para o seu transporte para a plataforma de lançamento e posterior colocação sobre o último estágio.

O GOES-O foi desenvolvido pela NASA para a National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA). A NASA estabeleceu um contrato com a Boeing para construir e lançar o satélite.

O NASA Launch Services Program no Centro Espacial Kennedy suporta o lançamento num papel consultivo. A gestão do programa da NASA para o GOES-P é da responsabilidade do Centro de Voo Espacial Goddard. Após o lançamento, e uma vez terminada a verificação orbital por parte da Boeing e da NASA, o satélite será transferido para a NOAA e rebaptizado GOES-15.

O foguetão Delta-IV na United Launch Alliance será instalado no Complexo de Lançamento SLC-37 nos princípios de Janeiro.

Deixe um comentário