ESA – Imagem da Semana (IV)



Esta imagem do Envisat mostra as Ilhas Warbah e Bubiyan do Kuwait, localizadas no topo do Golfo Pérsico.

O que parece ser água ao longo do topo e à direita da imagem (lilás, verde e azul) é na realidade terra. O amarelo mais brilhante, azul marinho e cor-de-rosa representam água. Aqui, as correntes de água nestes canais podem ser observadas graças às imagens de radar à medida que fluem para o golfo.

Medindo 30 km de largura e 40 km de comprimento com uma área de 863 quilómetros quadrados, a ILha de Bubiyan (visível no canto inferior direito) é a maior ilha do Kuwait. Está separada do Kuwait a Oeste pelo estreito canal Khawr as Sabiyah (visível) e pelo Nordeste pelo estuário Khawr Abd Allah (visível).

A topografia de Bubiyan é plana e baixa, com a porção mais a noroeste (zona pantanosa profundamente indentada) sendo parcialmente submergida na maré alta. A ilha não tem habitantes permanentes.

A Ilha de Werbah (visível a Norte de Bubiyan entre os canais aquáticos) está localizada a cerca de 100 m a Este do Kuwait e a 1 km a Sul do Iraque (no topo direito da imagem) perto do canal Shatt-al-Arab, formado pelo confluência dos Rios Tigre e Eufrates. A Ilha de Warbah tem um comprimento de cerca de 15 km e uma largura de 5 km com uma área total de 37 quilómetros quadrados. Tal como Bubiyan, não é habitada.

Os Rios Tigre e Eufrates têm as suas nascentes próximas uma da outra nas montanhas da Turquia e correm paralelos até se encontrarem perto do Golfo Pérsico. A área do sistema Tigre-Eufrates é denominada Mesopotânea, que se traduz como ‘entre os rios’. Muitos historiadores consideram esta área como o berço da civilização.

O Kuwait teve uma proeminência internacional devido principalmente às sua enormes reservas de petróleo, que o país refere serem de cerca de 104 mil milhões de barris – cerca de 8% da reserva mundial. A área brilhante no fundo à esquerda da imagem contém vários campos petrolíferos, incluindo os dois maiores campos de Al Rawdatain e Sabriyah. As linhas brancas que surgem dos campos de petróleo são estradas pavimentadas.

Esta imagem foi criada através de uma combinação de três aquisições pelo Advanced Synthetic Aperture Radar (ASAR) em 22 de Agosto de 2009, 26 de Setembro de 2009 e 31 de Outubro de 2009. As cores na superfície resultam de variações ocorridas na superfície entre a obtenção das imagens.

Imagem: ESA

Deixe um comentário