China prepara Shenzhou-10 (XVI)



Nos últimos dias não tem havido referências aos preparativos que estão a ser levados a cabo no Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan, para o lançamento da próxima missão espacial tripulada da China, a SZ-10 Shenzhou-10.

No entanto, e tendo em conta os anteriores calendários de preparação das missões SZ-8 Shenzhou-8 e SZ-9 Shenzhou-9 (as anteriores missões ao módulo orbital TG-1 Tiangong-1), terão sido ultrapassadas duas fases importantes nos preparativos para o lançamento. Por volta do dia 17 de Maio os responsáveis chineses terão analisado todos os preparativos para a missão e neste dia deverão ter tomado a decisão final sobre a data de lançamento e dado autorização para o abastecimento da SZ-10. Isto deverá ter ocorrido a 18 de Maio.

Entretanto, o módulo orbital TG-1 Tiangong-1 continua a aproximar-se da órbita ideal para a missão de acoplagem, não tendo sido necessária até ao momento qualquer correcção dos seus parâmetros orbitais.

O transporte do foguetão CZ-2F/G para a plataforma de lançamento poderá ocorrer no dia 30 de Maio, iniciando-se os preparativos finais para o lançamento a ter lugar possivelmente a 7 de Junho. Ainda a 30 de Maio poderemos ter a confirmação oficial dos nomes da tripulação da SZ-10.

A Shenzhou-10 deverá transportar três tripulantes para o módulo orbital Tiangong-1, entre os quais se encontrará a segunda Chinesa a viajar no espaço, Wang Yaping. Os nomes dos restantes dois elementos ainda não são conhecidos, porém é provável que sejam Nie Haisheng e Zhang Xiaoguang que serviram na tripulação suplente da SZ-9 Shenzhou-9.

A missão da Shenzhou-10 terá uma duração de 15 dias durante a qual serão realizadas várias experiências científicas. Os tripulantes irão também aperfeiçoar as técnicas de aproximação e acoplagem com a realização de uma segunda acoplagem com o TG-1 possivelmente no final da missão. Estas manobras serão realizadas tanto em modo automático como em modo manual.

Imagem: Internet Chinesa

Deixe um comentário