China lança Yaogan Weixing-19



YG-19 01

Tal como o Boletim Em Órbita havia avançado, a China levou a cabo o lançamento de um novo satélite militar, o YG-19 Yaogan Weixing-19. O lançamento teve lugar às 0331:07,708UTC do dia 20 de Novembro de 2013 e foi levado a cabo por um foguetão CZ-4C Chang Zheng-4C a partir da Plataforma de Lançamento LC9 do Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan.

O satélite é descrito pelas autoridades chinesas como um veículo de detecção remota destinado à realização de experiências científicas, observação do solo, monitorização de colheitas, e auxiliar na prevenção e redução de desastres naturais.

Tal como tem acontecido com os anteriores veículos desta série, crê-se que o Yaogan Weixing-19 seja verdadeiramente um satélite de observação militar. O satélite deverá ser utilizado para a obtenção de imagens de alta-resolução da superfície terrestre com uma missão semelhante à dos satélites Yaogan Weixing-8 e Yaogan Weixing-15. O satélite deverá ter uma massa de 1.040 kg no lançamento.

YG-19 02

 

Estatísticas:

– Lançamento orbital: 5321

– Lançamento orbital com sucesso: 4975

– Lançamento orbital China: 197

– Lançamento orbital China com sucesso: 185

– Lançamento orbital desde Taiyuan: 48

– Lançamento orbital desde Taiyuan com sucesso: 45

Para 2013 estão agora previstos 83 lançamentos orbitais. A seguinte tabela mostra os totais de lançamentos executados este ano em relação aos previstos para cada polígono (entre parêntesis estão os lançamentos fracassados se for o caso):

Baikonur – 20 (1) / 23

Plesetsk – 4 / 7

Dombarovskiy – 1 / 2

Cabo Canaveral AFS – 8 / 10

Wallops Island MARS – 4 / 4

Vandenberg AFB – 4 / 5

Jiuquan – 6 / 7*

Xichang – 1 / 3

Taiyuan – 4 / 6*

Tanegashima – 2 / 2

Kagoshima – 1 / 1

Kourou – 6 / 7

Satish Dawan, SHAR – 3 / 4

Sohae – 0 / 1*

Naro – 1 / 1

Odyssey – 1 (1) / 1

* Valores incertos

Dos lançamentos bem sucedidos levados a cabo 36,9% foram realizados pela Rússia; 26,2% pelos Estados Unidos (incluindo ULA, SpaceX e Orbital SC); 16,9% pela China; 9,2% pela Arianespace; 4,6% pelo Japão; 4,6 % pela Índia e 1,5% pela Coreia do Sul.

Os próximos cinco lançamentos orbitais previstos são:

21 Nov (0710:11) – 15A18 Dnepr-1 (5107681111) – Dombarovskiy, LC370/13 – Dubaisat-2 et all

22 Nov (1202:29) – Rokot/Briz-KM (4925882031/72524) – GIK-1 Plesetsk, LC133/3 – Swarm (x3)

25 Nov (2053:06) – 11A511U Soyuz-U (133) – Baikonur, LC31 PU-6 – Progress M-21M

25 Nov (2236:00) – Falcon-9 v1.1 (F2) – Cabo Canaveral AFS, SLC-40 – SES-8

?? Nov (????:??) – CZ-2D Chang Zheng-2D – Jiuquan, LC43/603 – SW-5 Shiyan Weixing-5

Deixe um comentário