A super-Lua uma não notícia científica



20161114_-1

Todas estas notícias da super-Lua terão valor se atrair alguém para a Astronomia ou para a Ciência. Tirando isso, não vale um chavo e ninguém iria notar a diferença.

De facto, como temos uns media que dão mais interesse ao acessório do que ao conteúdo e que de forma geral dão mais divulgação à porcaria do que à Ciência, faz-se disto como se fosse o fenómeno do século!

Não é!

O observador comum nem notaria a diferença de tamanho entre a Lua Cheia de Novembro e a Lua Cheia de Outubro, não fosse a divulgação absurda do evento como se a sua importância fosse extraordinária.

Resta-me a esperança que pelo menos uma criança se sinta fascinada com este e outras Luas Cheias e que trilhe o caminho do verdadeiro conhecimento.

Fotografia: Rui C. Barbosa

Deixe um comentário