2010-F02 Naro-1 (F-2) * STSAT-2B



A Coreia do Sul levou hoje a cabo o lançamento do seu foguetão Naro-1 (F-2) às 0801UTC. Os momentos iniciais do lançamento decorreram sem qualquer problema mas a T+137 segundos de voo os controladores perderam o contacto com o lançador numa altura em que ainda se encontrava em ignição o primeiro estágio de fabrico russo.

O Ministro da Educação, Ciência e Tecnologia da Coreia do Sul, Ahn Byong-man, afirmou que uma câmara localizada no segundo estágio registou um brilho muito luminoso no exacto momento (T+137s) em que foram perdidos todos os canais de telemetria do lançador. Informações anteriores apontam para que o Naro-1 tenha atingido uma altitude de 70 km antes de se despenhar no oceano, mas agora a explicação mais plausível é a de que o foguetão tenha explodido.

Nesta altura ainda não se sabe se o veículo foi capaz de colocar em órbita o satélite STSAT-2B ou se acabou por se despenhar no oceano. A estação de rastreio de Svalbard, na Noruega, deveria captar os sinais provenientes do satélite pelas 0940UTC. O lançamento estava inicialmente previsto para ter lugar a 9 de Junho, mas devido a um problema no sistema de supressão de incêndios na plataforma de lançamento acabou por ser adiado por 24 horas.

O quadro seguinte mostra-nos um desenho esquemático do lançador Naro-1:

O quadro seguinte mostra-nos as diferentes fases de voodo Naro-1:


De recordar que o primeiro lançamento do Naro-1 falhou devido a um problema na separação das duas metades da carenagem de protecção da carga que deveria acontecer a T+215 segundos.

O satélite STSAT-2B transportava instrumentos para a observação da Terra e um reflector laser para auxiliar os engenheiros a calcularem de forma mais precisa a órbita do satélite.

 


 

Deixe um comentário