2010-008 Delta-IV Medium+(4,2) (D348) * GOES-P



A ULA (United Launch Alliance) levou a cabo o lançamento do satélite meteorológico GOES-P para a NASA / NOAA. O lançamento teve lugar às 2357:00,334UTC do dia 4 de Março de 2010 e foi levado a cabo por um foguetão Delta-IV Medium+(4,2) a partir do Complexo de Lançamento SLC-37B do Cabo Canaveral, Florida.

O lançamento foi atrasado em 40 minutos devido a problema técnicos e meteorológicos.

O GOES-P é o mais recente satélite desenvolvido pela NASA para auxiliar os meteorologistas e cientístas do clima norte-americanos. Os satélites GOES fornecem as imagens do clima tão familiares, proporcionando uma cobertura quase contínua a nível de imagem e detecção remota, permitindo assim aos meteorologistas melhor medir as alterações na temperatura atmosférica e na distribuição de humidade, permitindo assim um aumento na fiabilidade das suas previsões. A informação ambiental fornecida por estes satélites é utilizada num sem número de aplicações, incluindo monitorização do estado do tempo e modelos de previsão.

O NASA Launch Services Program no Centro Espacial Kennedy suporta o lançamento num papel consultivo. A gestão do programa da NASA para o GOES-P é da responsabilidade do Centro de Voo Espacial Goddard. Após o lançamento, e uma vez terminada a verificação orbital por parte da Boeing e da NASA, o satélite será transferido para a NOAA e rebaptizado GOES-15.

 

Este foi o 4693º lançamento orbital levado a cabo desde 4 de Outubro de 1957, sendo o 1383º lançamento orbital dos Estados Unidos (3º em 2010) e o 592º lançamento orbital a ter lugar desde o Cabo Canaveral (2º em 2010).

A seguinte lista mostra o total de lançamentos previstos para cada polígono de lançamento em 2010. O primeiro número indica os lançamentos realizados, enquanto que o segundo número indica os lançamentos previstos. Quando surgir algum número entre parêntesis quererá indicar um lançamento falhado incluído nos lançamentos já realizados. os números serão actualizados à medida que se verificarem alterações.

 

GIK-5 Baikonur (Rússia / ILS / Kosmotras) – 4 / 32

GIK-1 Plesetsk (Rússia / Eurockot) – 0 / 9
Dombarovskiy (Rússia / Kosmotras) – 0 / 4
Cabo Canaveral AFS (EUA / ULA / SpaceX) – 2 / 17
Centro Espacial Kennedy (EUA) – 1 / 5
MARS White Sands – 0 / 1
Vandenberg AFB (EUA / ULA) – 0 / 8
Kodiak (EUA) – 0 / 2
Ilha de Omelek (SpaceX) – 0 / 2
Jiuquan (China) – 0 / 4
Xi Chang (China) – 1 / 13
Taiyuan (China) – 0 / 5
Tanegashima (Japão) – 0 / 2
CSG Kourou (Arianespace) – 0 / 9
Satish Dawan SHAR (Índia) – 0 / 9
Semnan (Irão) – 0 / 1
Naro (Coreia do Sul) – 0 / 1
Palmachin – 0 / 1

Imagens: ULA / NASA

Deixe um comentário